“Nossas bandas não perdem para bandas internacionais”, comenta Hellhoundz em entrevista para site grego
27/05/2020 | Por
Hellhoundz é destaque no site grego FILTHY DOGS OF METAL

Na terça feira, 26 de maio, a banda cearense Hellhoundz concedeu uma entrevista ao site grego Filthy Dogs of Metal e falou, além de vários outros temas, das influências e de como se descreveriam no palco. “Podemos te dizer que a Hellhoundz é uma banda extremamente energética no palco, e não desapontamos aqueles que nos acompanham a um tempo”, comentaram em um trecho da entrevista. O site também levantou temas como possíveis contratos com gravadoras, grandes turnês e a questão do sacrifício que alguns músicos fazem para poder investir na banda.

A questão do show ideal também foi levantada, e a banda falou que o circuito que estão fazendo está envolvendo apenas pequenas casas de shows, com exceção é claro, da abertura que deverão fazer do Symphony X, show a ser realizado em Fortaleza no dia 30 de agosto e que até o momento desta matéria, não confirmou cancelamento devido a pandemia da covid-19. O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou retomada gradativa do comércio agora no começo de junho, e esperamos que os shows em agosto já estejam normalizados.

“Nós somos 100% independentes, então todo o trabalho de marketing, informação e promoção da banda nós fazemos por meio de plataformas digitais. É lá onde as músicas estão e devemos usar isto da melhor forma possível”

Confira abaixo, em versão traduzida pelo Detector de Metal, o momento em que a banda fala da cena de Fortaleza, onde também cita a Comando Etílico, banda do Rio Grande do Norte.

  1. Conte-nos algumas coisas sobre a nova cena underground do metal no Brasil. (Bandas, Fanzines, Webzines e etc).

“A cena brasileira tem sido sempre muito ocupada, e diria até que nunca esfriou. Há muitas pessoas que querem fazer isto acontecer. Aqui mesmo na nossa região, nós temos muitas bandas que não perdem em nada para bandas internacionais e posso mencionar alguns exemplos como: Steel Fox, DarkSide, Comando Etílico, Asmodeus, Oráculo, Warbiff e muitas outras. Nós não vivemos apenas de Angra e Sepultura (que são bandas muito importantes para nós). Nós temos centenas de webrádios e webzines que tocam e promovem a nossa música, dando suporte para a cena brasileira como um todo”.

O inglês da matéria está bem tranquilo, e caso você queira conferir na íntegra basta acessar o site da Filthy Dogs of Metal.

#fiqueemcasa

No mês passado a banda soltou em seu canal oficial no YouTube um vídeo especial de conscientização da importância de ficarem em casa durante a pandemia da covid-19. No vídeo é possível ver que todos os membros estão executando a faixa “When The Night Begins To Rise”, faixa presente no primeiro álbum da banda, que também foi abordado na entrevista.

Deixe uma resposta

Apoiadores
Próximos Eventos
Ver todos os eventos
Leia Também
O frontman da banda paraibana Necrohunter, Mauro Medeiros, nos enviou uma cópia do seu mais recente trabalho de estúdio. Com 11 faixas inéditas, o...
A banda de Hardcore/Metal Sudakah foi formada em 2018 na cidade de São Paulo (SP). Possuindo apenas 1 álbum lançado, o grupo traz em...
Riffs acelerados, bateria incontrolável, baixo pesado e um vocal com uma energia incrível, hoje...
Nova força do Heavy Metal cearense lança primeiro disco com inspirações na cultura pop...
Parceiros
extremo-metal-jampa
OSBOX
Siga o Detector de Metal