Sinsaenum – “Repulsion for Humanity” (Nacional – 2018) (Shinigami Records/earMUSIC)
19/03/2019 | Por

 

O Sinsaenum é o tipo de banda que já chama a atenção a partir da formação, já que conta com alguns músicos bem conhecidos por seus trabalhos na música extrema: Heimoth (Seth/black metal), Frédéric Leclercq (Dragon Force/power metal), Attila Csihar (Mayhem/black metal), Joey Jordison(ex-Slipknot/nu-death metal); a partir desses nomes o que vem na cabeça em relação ao gênero da banda é uma incógnita, pois são músicos de escolas diferentes, mas quando o som começa a rolar o que ouvi foi uma avalanche de brutalidade a lá death/black metal. O projeto foi formado em 2016 e já em 2018 já lançou o segundo álbum intitulado “Repulsion for Humanity”, a banda que ainda conta com os músicos Sean Zatorsky e Stéphane Buriez destila muito ódio e técnica nas 11 faixas do disco, alguns sons são mais ousados nos arranjos e outros mais diretos, mas no fim o que se senti é uma entrosação magnífica de músicos tão distintos em relação as suas respectivas bandas e projetos.

“Repulsion for Humanity” já abre mostrando do que o sexteto é capaz, som bruto e violento, onde todos os músicos mostram técnica, mas o que mais chama a atenção é o fato da banda ter dois vocalistas (Attila Csihar e Sean Zatorsky), onde vociferam com timbres praticamente iguais. “Final Resolve”, “My Swan Song”(puta riffs fodas) e “Nuit Noire” são centradas na agressividade e seguem a linha da faixa de abertura; destaco também “Manifestation of Ignorance” que traz uma atmosfera fúnebre numa levada quase arrastada que deixará qualquer banger hipnotizado tamanha magia; já “I Stand Alone” ousa com uma pegada mais solta e com a presença de vocais limpos e “Forsaken” encerra o disco com bastante criatividade e um toque de experimentalismo, algo único e que fica até difícil descrever.

Não tem muito o que falar, já que se trata de verdadeiros ídolos do metal, o que mais impressiona é a junção de tantos músicos distintos, mas o resultado ficou bem interessante, vale a pena conferir. O disco está sendo distribuído em terras tupiniquins pela Shinigami Records e earMUSIC.

Músicas:
1. Repulsion for Humanity
2. Final Resolve
3. Sworn to Hell
4. I Stand Alone
5. Rise of the Light Bearer
6. Manifestation of Ignorance
7. Sacred Martyr
8. My Swan Song
9. Nuit Noire
10. Insects
11. Forsaken

Formação:
Sean Zatorsky (Vocal)
Attila Csihar (Vocal)
Frédéric Leclercq (Guitarra/baixo/teclados)
Stéphane Buriez (Guitarra)
Heimoth (Baixo)
Joey Jordison (Bateria)

Deixe uma resposta

Apoiadores
Próximos Eventos
Ver todos os eventos
Leia Também
A banda que vem ganhando espaço no cenário nacional  A cena musical do Ceará é indiscutivelmente uma das mais ricas, nuances que vão do...
Faixa integra o álbum “Metaphor”, terceiro do grupo de death metal melódico Após o lyric video de “They Arrive”, o Hatematter apresenta o clipe...
“Bad Habits Never Die” sucede o debut “Hård:On”, que obteve destaque como um dos...
Criado na edição de 2017 do Rock in Rio, o Rock District, um bairro...
Parceiros
Burn Artworks
Siga o Detector de Metal